E o QQ, vai comunicar bem?

E o QQ, vai comunicar bem?


[photopress:chery_qq2.jpg,thumb,alignleft]
Coreanos e chineses continuam a invasão do mercado automobilístico brasileiro, com o lançamento de novos modelos e investimentos maciços em propaganda. A chinesa Chery acaba de anunciar oficialmente que o QQ vai ser vendido a partir de maio por cerca de 22 mil reais e já virá com ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos, luzes de neblina, ABS (freios antitravamento), duplo airbag, sensor de estacionamento, entre outros itens... (uma análise mais completa pode ser lida aqui). É o padrão chinês-ninguém-bate, que outras indústrias já conhecem. Bom, o design é legalzinho, o nicho está bem claro, com quem vai concorrer também (os carros pra monge franciscano que andam por aí a 23 mil no mínimo). Mas será que a montadora vai acertar a comunicação? Os erros dos orientais, por falta de conhecimento do consumidor brasileiro (e uma pitada de arrogância também) chegam a ser risíveis. Quem vai esquecer a Hyundai ensinando brasileiro a comemorar gol na Copa gritando "tchô-tchô"? A própria Hyundai e a Jac também gostam muito do tom didático, apelando para a "Zoropa" e os "States" pra dizer que os seus carros já foram super-aprovados por lá e, com isso, apostando que a fórmula do consumo imitativo ainda tem tudo a ver com o brasileiro, sobretudo com a classe C. Será? Tchô-tchô-tchô-tchôôô... (musiquinha de suspense - em coreano, claro).


download

nenhum post

COMMENTS

LEAVE A REPLY

O seu endereço de e-mail não será publicado.