Um corpo pra chamar de seu

Um corpo pra chamar de seu


A onda do carnaval traz inevitavelmente de volta, a cada ano, uma reflexão sobre o corpo. Este ano não foi diferente. O ODESBLOG destaca as matérias do caderno Aliás, do Estadão do último dia 3, entre elas, “O corpo tornou-se um simples acessório”, entrevista do antropólogo francês David Le Breton, em que “o maior especialista do mundo em corporeidade”, nos dizeres da entrevistadora Flávia Tavares, afirma:

    “Hoje, num contexto de individualização do sentido e de mercantilização do mundo, o corpo tornou-se um simples acessório. Sua antiga sacralidade ficou obsoleta, ele não é mais o suporte inquebrantável de uma história pessoal, mas uma forma que se recompõe incansavelmente ao gosto do momento. O consumismo em que estão mergulhadas as sociedades, e particularmente as jovens gerações, fez do corpo um objeto de investimento pessoal. Agora, o que importa é ter um corpo seu, assinado. O design não é mais exclusividade dos objetos.”


download

nenhum post

COMMENTS

  1. Paulo Saban

    fevereiro 20

    É o corpo em tempos de modernidade líquida. É o corpo como veículo de identidades mutantes. Excelente!!!

LEAVE A REPLY

O seu endereço de e-mail não será publicado.